A viagem como experiência do encontro de si na figura do viajante independente

Autores

  • Camila Aparecida Leves Maneze Universidade de Brasília
  • Reinaldo Tadeu Boscolo Pacheco Universidade de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.21814/rlec.351

Palavras-chave:

Ato de viajar, autoconhecimento, independência, viajantes

Resumo

O artigo traz como reflexão o ato de viajar como uma experiência significativa essencial à vida, por meio de uma abordagem qualitativa, descritiva e bibliográfica. Objetiva-se analisar o desenvolvimento da figura do viajante independente, objeto do estudo, sendo aquele que doa o seu tempo à viagem e decide viajar sem se prender às condições financeiras e sociais. Verifica, no processo da viagem, a construção da sua imagem, cuja experiência exercida com independência, pode promover transformação, conhecimento e autoconhecimento. Revela-se uma busca que está além do encontro com o outro, o desconhecido, sendo antes um reencontro de si mesmo. Consideram-se os aspectos subjetivos do ato de viajar ao analisar dois relatos literários de viajantes independentes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

##submission.downloads##

Publicado

2018-12-20

Como Citar

Maneze, C. A. L., & Pacheco, R. T. B. (2018). A viagem como experiência do encontro de si na figura do viajante independente. Revista Lusófona De Estudos Culturais, 5(2), 281-. https://doi.org/10.21814/rlec.351