Visões da América Latina em Cabezas cortadas, de Glauber Rocha

  • Estevão Garcia Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás
Palavras-chave: Glauber Rocha, Cabezas cortadas, América Latina, identidade

Resumo

Cabezas cortadas, de Glauber Rocha, narra a experiência de um ditador latino-americano em seu exílio espanhol (ainda que o nome do país nunca seja mencionado) e se fundamenta em termos estilísticos por meio de uma operação surrealista de associação de conceitos e símbolos. Essa ferramenta, a operação surrealista na articulação de conceitos e símbolos, constitui o método para a construção do diálogo cultural entre América Latina e Espanha proposto pelo filme. Este artigo apresenta como objetivo, portanto, analisar o diálogo cultural articulado entre Cabezas cortadas e a América hispânica e a sua ideia de identidade latino-americana.

Downloads

Dados de Download não estão ainda disponíveis.
Publicado
2019-06-26
Como Citar
Garcia, E. (2019). Visões da América Latina em Cabezas cortadas, de Glauber Rocha. Revista Lusófona De Estudos Culturais, 6(1), 23-36|37. https://doi.org/10.21814/rlec.379