[1]
M. Bogalheiro, «Desintegração e repetição: uma análise a partir de William Basinski», RLEC, vol. 5, n. 1, pp. 279-, Jun. 2018.